Notícias

Telemonitorização DPOC

21 Abril, 2014

A Telemonitorização DPOC (Doença Pulmonar Obstrutiva Crónica) é um projeto- piloto financiado pela ACSS, em parceria com os Hospitais de Viana do Castelo, Centro Hospitalar da Universidade de Coimbra (CHUC), Hospital Pero da Covilhã, Hospital Portalegre/Elvas (ULSNA) e Hospital de Faro (1ª fase).

O projeto foi iniciado com o acompanhamento de 75 doentes domiciliário, portadores de Doença Pulmonar Obstrutiva Crónica (15 doentes por hospital). Os doentes são monitorizados nos seus domicílios, onde são colocados dispositivos médicos que fornecem diferentes parâmetros, que são posteriormente analisados, bidiariamente, pelas equipas de Pneumonologia dos Hospitais referidos, tentando desta forma, diminuir os agravamentos da situação clínica, evitando, assim, novos internamentos. Os doentes domiciliários recebem os ‘devices’ (instrumentos) em casa, e a partir dessa momento realizam-se os testes que permitem a emissão e receção dos parâmetros pretendidos, através da PDS – Plataforma de Dados da Saúde.

O GTT (Grupo de Trabalho de Telemedicina) pretende,  após avaliação bianual do projeto piloto,  propor o aumento da sua implementação e o desenvolvimento de estudos para aplicação da telemonitorização da insuficiência cardíaca, a partir de 2015. Num futuro próximo pretende-se implementar a telemonitorização a doentes com multicronicidade (várias doenças crónicas em simultâneo num doente). 

Este projeto, iniciado em fevereiro, terá a próxima avaliação em setembro.

Temas

banner_telemedicina

Telemedicina Portuguesa destacada em artigo da OCDE

10 Fevereiro, 2020

O papel que a SPMS tem desenvolvido no âmbito da Telessaúde vem referenciado como um bom exemplo de desenvolvimento da telemedicina através da governança, num artigo publicado pela Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico (OCDE).

banner noticia telemedicina

Primeira teleconsulta em tempo real na ULSAM

29 Setembro, 2018

Realizou-se, em setembro, a 1ª teleconsulta em tempo real na Unidade Local de Saúde do Alto Minho (ULSAM), através da RSE Live, a plataforma disponibilizada pela SPMS, EPE.

Banner_generico_spms_opcaoB
Voltar
co-financiamento
Praesent consectetur dolor. ipsum ut dolor efficitur.
Voltar para o topo.