Notícias

Ministério da Saúde poupa 179 milhões e aumenta volume global de compras

12 Abril, 2018

O ano de 2017 pautou-se por um aumento significativo da atividade de compras da SPMS, EPE, registando também um aumento da poupança gerada para o Serviço Nacional de Saúde (SNS).

O SNS poupou mais de 179 milhões de euros em 2017. Valor que representa um aumento de 39% face a 2016, onde se tinha registado uma poupança de mais de 128 milhões de euros.

O volume global de compras, que inclui bens e serviços de saúde e bens transversais, teve um aumento de 55% face ao ano de 2016. Na base deste crescimento estiveram fatores como o aumento da abrangência e das tipologias de compras realizadas pela SPMS, EPE, com a formação de Acordos-Quadro em novas áreas e novas subcategorias.

Se em 2016 as compras na saúde já tinham crescido 16% face a 2015, em 2017 este crescimento foi de 57%. Também a poupança gerada para o SNS acompanhou esta tendência e aumentou 42%, passando de 114,3 milhões em 2016 para 161,9 milhões em 2017.

A SPMS, EPE tem como missão a prestação de serviços partilhados em matéria de compras e logística, gestão financeira, recursos humanos e sistemas de tecnologias de informação e comunicação (TIC) para instituições que integram o SNS, tais como Hospitais, Administrações Regionais de Saúde (ARS) e outras instituições do SNS.

Os valores agora divulgados no Relatório de Aferição de Poupanças de 2017 provam o aumento da capacidade e da eficácia da atividade de Compras da SPMS e demonstram, do mesmo modo, o impacto bastante positivo na geração de poupança e eficiência nas compras de medicamentos, consumíveis, dispositivos médicos e serviços na área da saúde, bem como de equipamentos e serviços de natureza transversal e, também, a criação de sinergias dentro do Serviço Nacional de Saúde.

Consulte, na íntegra, o Relatório de Aferição de Poupanças de 2017.

Temas

|

Comitiva da Eslováquia visita SPMS

29 Junho, 2022

A SPMS recebeu uma comitiva eslovaca no âmbito da visita de estudo promovida pela DG Reform da Comissão Europeia e pelo Ministério da Saúde da Eslováquia nesta quarta-feira, dia 29 de junho, em Lisboa.

SNS 24 continua a melhorar acesso e promove equidade

23 Junho, 2022

O contacto remoto entre o cidadão e o Serviço Nacional de Saúde, independentemente da porta escolhida: telefónica, digital ou presencial, tem contribuído para fomentar a inclusão social e a literacia digital em saúde, possibilitando uma experiência uniforme, integrada e com qualidade.

Voltar
co-financiamento
quis, Donec risus. fringilla nunc eget
Voltar para o topo.