Notícias

Projetos-piloto do SNS promovem atividade física com apoio dos Sistemas de Informação

11 Outubro, 2017

De forma a reforçar a integração da promoção da atividade física nos cuidados de saúde do SNS, entrou em vigor hoje, 11 de outubro, o Despacho n.º 8932/2017, publicado ontem em Diário da República, que apresenta os objetivos estratégicos a concretizar, através de projetos-pilotos em unidades funcionais de Agrupamentos de Centros de Saúde (ACES), estabelecimentos hospitalares do SNS e unidades locais de saúde. Para realizar durante os anos de 2017 e 2018.

A SPMS, EPE vai disponibilizar no SClínico e na PEM – Prescrição Eletrónica Médica funcionalidades dedicadas à avaliação, aconselhamento breve e prescrição de atividade física, com conteúdos técnico-científicos, elaborados pela Direção-Geral da Saúde (DGS), e referentes a:

  • Avaliação do nível de atividade física e do risco de sedentarismo;
  • Mensagens de sensibilização para a importância da prática regular de atividade fisica;
  • Guia de aconselhamento para a prática de atividade física;
  • Recolha de outros indicadores de atividade física;
  • Suporte à prescrição de atividade física, incluindo a emissão receita de atividade física para o utente;
  • Integração com a APP MySns Carteira e Área do Cidadão.

O desenvolvimento destes projetos-piloto é da responsabilidade conjunta da DGS, das ARS, dos ACES e dos estabelecimentos hospitalares envolvidos, devendo ser assegurada a respetiva articulação com as Coordenações Nacionais para a Reforma do SNS nas áreas dos Cuidados de Saúde Primários e Hospitalares, com a Administração Central do Sistema de Saúde e a SPMS, EPE, no âmbito das respetivas competências.

Após doze meses de desenvolvimento, os resultados dos projetos-pilotos devem ser objeto de avaliação, por parte da DGS, e de reflexão sobre as potencialidades do seu alargamento a outras unidades funcionais dos ACES e hospitais do SNS. Esta avaliação deve incluir propostas de modelo de implementação e calendarização.

No âmbito do programa para a saúde, o XXI Governo Constitucional pretende que Portugal assuma uma posição pioneira na implementação das orientações da União Europeia e da Organização Mundial da Saúde, no que diz respeito à promoção da atividade física. Os Sistemas de Informação da Saúde contribuem, assim, para alcançar este objetivo, desempenhando um papel decisivo na promoção e monitorização dos níveis de atividade física.

Consulte na íntegra Despacho n.º 8932/2017 – Diário da República n.º 195/2017, Série II de 2017-10-10

Um ano de implementação do SONHO v2/SClínico no CHUC

24 Novembro, 2020

No dia 23 de novembro assinalou-se um ano de uma das maiores transformações digitais num centro hospitalar do Serviço Nacional de Saúde. O Centro Hospitalar Universitário de Coimbra (CHUC), no seu Pólo dos Hospitais Universitários de Coimbra, passou a utilizar o SONHO v2/SClínico, sistemas de informação que sustentam a atividade assistencial do ponto de vista administrativo e clínico e suportam o processo clínico eletrónico.

banner_chuc

Plataforma Trace COVID-19

27 Abril, 2020

A plataforma informática Trace COVID-19 tem sido fundamental no acompanhamento e monitorização dos utentes que se encontram em autocuidados no domicílio. Criada no contexto da pandemia, completou um mês de atividade e já permitiu a vigilância a mais de 500 mil pessoas com suspeita ou confirmação da doença.

Voltar
co-financiamento
mattis mi, dolor. Donec nec suscipit
Voltar para o topo.