Notícias

Hospitais optam por compra centralizada de medicamentos

15 Maio, 2012

A SPMS – Serviços Partilhados do Ministério da Saúde, EPE está a colaborar, através da disponibilização dos seus serviços de compras e logística, no processo em marcha acordado entre vários hospitais da região Norte e da região de Lisboa. O acordo obtido, primeiro no Norte e depois em Lisboa, entre diversos hospitais prevê a compra partilhada de medicamentos nas áreas de oncologia, cardiologia, reumatologia, dermatologia, etc., que poderá resultar em “grande” poupança para o Serviço Nacional de Saúde. Uma prática que tem sido advogada pela SPMS e que está a ser desenvolvida no âmbito dos serviços promovidos pela Serviços Partilhados.

A SPMS irá colaborar na mediação dos contratos e futuros acordos-quadro a estabelecer. Durante o passado mês, a Serviços Partilhados do Ministério da Saúde organizou diversos fóruns (que vão continuar), que permitiram já definir as orientações técnicas a usar nas compras agregadas. A SPMS está a dinamizar e a assessorar as reuniões dos grupos técnicos formados pelos painéis de especialistas das Comissões de Farmácia Terapêutica dos centros hospitalares. Nestes encontros é avaliado o potencial de intervenção da SPMS para estabilizar e renegociar os preços para 2012. Entretanto estão também a ser lançadas as bases de enquadramento dos modelos de contratação a implementar no próximo ano. Recorde-se que vários hospitais da região Norte, conhecidos por G14, acordaram recentemente juntar-se para definir a aquisição conjunta de medicamentos.

Em Abril, os hospitais da região de Lisboa decidiram seguir o exemplo e formaram também um grupo com o mesmo fim. As iniciativas dos dois grupos visam a aquisição dos medicamentos considerados mais onerosos para estas instituições. O processo envolve a seleção, sob a tutela do Infarmed, de dois ou três medicamentos por cada especialidade médica, nomeadamente nas áreas de oncologia, das doenças auto-imunes e do Vírus da Imunodeficiência Humana (VIH).

Temas

|

Imagem do Hospital de Matosinhos

DE-SNS destaca papel da SPMS na reforma das ULS

28 Fevereiro, 2024

O diretor executivo do Serviço Nacional de Saúde, Fernando Araújo, destacou o papel da SPMS na reforma das Unidades Locais de Saúde (ULS), durante a cerimónia de apresentação do projeto “Implementação, Desenvolvimento e Monitorização das ULS”, que contou com a presença de Nuno Costa, vogal executivo da SPMS. No auditório do Infarmed – Autoridade Nacional […]

Voltar
Voltar para o topo.