Notícias

“Este é o tempo de darmos passos largos para o futuro que queremos ter”

15 Novembro, 2023

“Para a SPMS, a digitalização da Saúde não é apenas desmaterialização. É uma revolução que vai redefinir a forma como prestamos cuidados de saúde às pessoas. Ao avançarmos nesse caminho, tenho plena convicção de que estaremos a construir um sistema de saúde mais justo, mais equitativo e mais humano”, sublinhou a presidente do Conselho de Administração da SPMS, Sandra Cavaca, na conferência promovida pela Convenção Nacional da Saúde, esta quinta-feira, dia 15 de novembro.

Sob o mote “A Digitalização da Saúde ao Serviço das Pessoas”, o evento realizou-se na Ordem dos Médicos, em Lisboa. A dirigente da SPMS foi uma das oradoras convidadas para a discussão sobre as várias dimensões da transformação digital no setor da saúde, com mudanças e impactos no acesso das pessoas aos serviços de saúde e nas condições de trabalho dos profissionais.

“Este é o tempo de darmos passos largos para o futuro que queremos ter”, enfatizou Sandra Cavaca, destacando a execução dos investimentos no âmbito do Plano de Recuperação e Resiliência (PRR).

Dos avanços tecnológicos e serviços diferenciados oferecidos pelo SNS 24, ao Registo de Saúde Eletrónico Único, o projeto mais emblemático em curso, com benefícios evidentes para cidadãos e profissionais, tanto no contexto do SNS, como nos setores público e social, a dirigente falou das medidas e dos principais projetos que posicionam Portugal na liderança da transformação digital.

Liderança na transformação digital

Este posicionamento é referido no relatório da Organização para a Cooperação e o Desenvolvimento Económico (OCDE) “Health at a Glance”, publicado há uma semana. Com base em dados de 2021, o relatório reconhece os esforços do país no que diz respeito ao acesso e interação dos doentes com os seus próprios registos de saúde eletrónicos através de um portal de Internet seguro, posicionando-o num grupo restrito de países. Foca ainda o trabalho desenvolvido no âmbito da implementação de normas de interoperabilidade e da segurança.

Para Sandra Cavaca, este tem sido um caminho feito de desafios e, sobretudo, de ambição, para colocar o utente e o seu percurso no centro do sistema de saúde. “E todos nós, que estamos aqui hoje, temos um papel a cumprir nesta transformação digital”, defendeu.

A conferência contou com intervenções de várias personalidades do setor, bem como com a participação do ministro da Saúde, Manuel Pizarro. Contou também com um painel de discussão e, mais uma vez, a SPMS, representada por Cátia Pinto, participou no debate de ideias sobre as soluções.

A Convenção Nacional da Saúde é o maior debate nacional e permanente sobre o presente e o futuro da Saúde em Portugal. Este ano, a iniciativa centrou-se na digitalização ao serviço das pessoas.

Temas

|

SPMS reforça cooperação em Saúde Digital com países da CPLP

17 Maio, 2024

A SPMS marcou presença no Seminário “Diálogos da Cooperação em Saúde na Comunidade de Países de Língua Oficial Portuguesa (CPLP)”, a convite da Secretaria-Geral do Ministério da Saúde (SGMS). O evento, que decorreu no passado dia 15 de maio, concentrou-se nos desafios e oportunidades da digitalização do setor da saúde nos países integrantes da comunidade.

Aprovado novo regulamento do Espaço Europeu de Dados de Saúde

13 Maio, 2024

O Parlamento Europeu aprovou, no dia 24 de abril, o novo regulamento que estabelece o Espaço Europeu de Dados de Saúde (EEDS), marcando um avanço significativo na revolução digital da saúde na União Europeia. Esta medida estratégica tem como objetivo facilitar o acesso dos cidadãos aos seus dados de saúde eletrónicos em todos os países membros, ao mesmo tempo que promove a interoperabilidade entre os sistemas de saúde europeus.

Voltar
Voltar para o topo.