Notícias

Mais de 100 mil teleconsultas no SNS

5 Fevereiro, 2020

Mais de 100.000 teleconsultas já foram registadas no Serviço Nacional de Saúde, desde 2016 até ao dia 31 de janeiro de 2020. Em 2019 realizaram-se mais de 30 mil (30.074), ano em que se registou o número mais elevado, com uma taxa de crescimento de 13,5% face a 2018, e mais 5,7% comparativamente a 2017.

Os dados agora divulgados demonstram que a SPMS, EPE, através do Centro Nacional de TeleSaúde (CNTS), tem contribuído de forma efetiva para o desenvolvimento da telessaúde no sistema de saúde português.

Inserido na reforma dos cuidados de saúde, o CNTS integra estruturas organizacionais já existentes, de modo a rentabilizar a capacidade da rede nacional de unidades do SNS. A telessaúde melhora a acessibilidade, levando o SNS a todos os cidadãos, o que representa uma mais-valia para todo o sistema de saúde.

Relativamente aos dados apresentados, entre 2016 e janeiro de 2019, o CNTS tem conhecimento de que muita da atividade realizada no SNS ainda não é registada, apenas há registo das teleconsultas. Neste período temporal, a Unidade de Saúde Local de Matosinhos destacou-se como a instituição com o maior número de teleconsultas.

A curto prazo, ainda em fevereiro, a atividade de teleconsulta irá arrancar no Centro Hospitalar do Oeste e no Hospital de Ovar e, no final do mês, prevê-se o início no Centro Hospitalar Póvoa do Varzim – Vila do Conde.

Em 2020, o grande desafio passa, essencialmente, pela substituição da PDS Live para a nova RSE Live, quer na atividade em tempo real de Profissional de Saúde – Profissional de Saúde, quer nas Teleconsultas de Profissional de Saúde – Utente, a partir da Área do Cidadão.

Criado através da Resolução do Conselho de Ministros n.º 67/2016 – Diário da República n.º 206/2016, de 26 de outubro, o CNTS integra uma equipa multidisciplinar constituída por médicos, enfermeiros, informáticos e técnicos de outras áreas que, diariamente, trabalham para uma maior integração dos cuidados de saúde, facilitando a comunicação e articulação entre profissionais.

O CNTS, através da coordenação, regulação e prestação de serviços, e sob a responsabilidade da SPMS, irá continuar a promover a telessaúde e a adoção de boas práticas, tendo como objetivo levar o SNS a todos os cidadãos, com qualidade e profissionalismo, contribuído para melhorar a governação e eficiência do Serviço Nacional de Saúde.

Temas

|

teleconsulta

Projeto da SPMS é finalista dos Prémios HINTT 2021

20 Agosto, 2021

A SPMS é uma das 10 finalistas dos Prémios HINTT 2021 com o projeto Agendamento Online para a vacinação contra a COVID-19, na categoria Patient Safety. Esta iniciativa promove a partilha de conhecimento sobre o futuro do estado de saúde, com foco na tecnologia e no cidadão. Na edição de 2020, a SPMS foi distinguida […]

SPMS apoia ULSAM no arranque das teleconsultas em lares

10 Agosto, 2021

Com o apoio da SPMS, a Unidade Local de Saúde do Alto Minho (ULSAM) arrancaram as primeiras teleconsultas de psiquiatria, no início de agosto, em lares. Os lares de Barbeita e Merufe, em Monção, foram os primeiros a realizar teleconsultas em tempo real, garantindo segurança, proteção e confidencialidade dos dados, através da plataforma de telessaúde […]

SPMS organiza evento de encerramento da eHAction

16 Julho, 2021

A eHAction – Joint Action Supporting the eHealth Network, uma ação de colaboração entre os Estados-Membros da União Europeia e outros países europeus, vai realizar o evento "EU Cooperation to Empower Citizens’ Health & Care [Cooperação europeia para capacitar a saúde e o cuidado dos cidadãos]", no próximo dia 21 de julho, por videoconferência, entre as 09h e as 12h.

closing event_noticia SPMS
Voltar
co-financiamento
dolor. libero libero. neque. ipsum ipsum
Voltar para o topo.