Notícias

SPMS colabora no projeto pioneiro de Literacia em Saúde e Inclusão Digital

18 Setembro, 2019

A SPMS participou, nesta quarta-feira, 18 de setembro, na apresentação do projeto pioneiro em Portugal, que visa formar e apoiar os cidadãos, sobretudo os mais idosos, na utilização de serviços de saúde online. A cerimónia de lançamento decorreu no Palácio Gama Lobo, em Loulé.

Da autoria do Centro Académico de Investigação e Formação do Algarve (ABC – Algarve Biomedical Center), em parceria com a Câmara Municipal de Loulé e a SPMS, EPE, o projeto é uma aposta na literacia em saúde e na inclusão digital.

Combater a iliteracia e aceder a plataformas online de saúde, para marcar consultas, pedir receitas eletrónicas ou documentos, evitando deslocações desnecessárias às entidades e, por outro lado, “ganhar” tempo para situações que requerem atendimento presencial são alguns dos objetivos estratégicos.

“O SNS precisa de cidadãos cada vez mais informados e construtores da sua própria saúde”, comentou o Presidente da ARS Algarve, Paulo Morgado, durante a sessão, acrescentando que “aquilo que hoje estamos aqui a fazer é dar o pontapé de saída para um projeto inovador a nível nacional. Estou muito feliz por este projeto começar no Algarve”.

A iniciativa arranca no concelho de Loulé com a formação de técnicos de juntas de freguesia, IPSS, lares, instituições de saúde, escolas, entre outras instituições, que, posteriormente, irão replicar o conhecimento e capacitar os cidadãos na utilização de ferramentas informáticas.

“Este projeto pretende contribuir para a cidadania em saúde, tornando os formadores que agora iniciaram a formação mais responsáveis na disseminação de conhecimento na área das novas tecnologias do Serviço Nacional de Saúde”, sublinhou Nuno Marques, Presidente do ABC – Algarve Biomedical Center.

A intenção é dar formação, primeiro no concelho de Loulé, depois em todo o Algarve e, no último trimestre de 2020, prevê-se o alargamento ao resto do país, de forma a melhorar o acesso à informação, nomeadamente das populações mais isoladas e vulneráveis.

“Dotar os cidadãos de novas ferramentas digitais e fomentar a proximidade entre a comunidade, os profissionais de saúde e o acesso à saúde” é um dos propósitos do projeto, como referiu Vítor Aleixo, Presidente da Câmara Municipal de Loulé.

“O desenvolvimento da iniciativa passa por um trabalho de comunicação e de sensibilização das pessoas e, é neste âmbito, que a Academia da SPMS entra nesta parceria, para desenvolver várias iniciativas de formação a estes pontos focais, em regime presencial e à distância. Tal como já foi dito, é fundamental formar todas as pessoas, sobretudo as que estão mais deslocadas e potenciar o uso das ferramentas digitais”, reforçou Ana Paula Almeida, Diretora de Recursos Humanos da SPMS.

Nuno Marques, Vítor Aleixo e Ana Paula Almeida formalizaram a parceria nesta iniciativa pioneira na Literacia Informática e Inclusão Digital.

Para saber mais sobre esta iniciativa, oiça na TSF Serviços de Saúde Online.

Temas

assinatura do projeto literacia

SPMS promove workshop de reestruturação da Área do Cidadão

28 Novembro, 2019

A SPMS realizou um workshop dinamizado pela equipa do Registo de Saúde Eletrónico, com o apoio da Academia de Formação, que decorreu no passado dia 23 de novembro, nas instalações da SPMS, em Lisboa. O principal objetivo desta sessão foi debater a reestruturação da Área do Cidadão, de forma a melhorar a navegabilidade, usabilidade e […]

apresentação no Workshop de reestruturação da Área do Cidadão nas instalações da SPMS
Voltar
co-financiamento
pulvinar vel, Donec ut facilisis nec dapibus
Voltar para o topo.