Notícias

SPMS reforça segurança no acesso às instalações

22 Junho, 2018

No âmbito da política de recursos humanos da SPMS, EPE, nomeadamente no que respeita às suas instalações, a segurança dos colaboradores, consultores e visitantes constitui um dos seus princípios.

Assim, serão disponibilizados novos cartões a todos os colaboradores que exercem funções na SPMS, em Lisboa e no Porto, de modo a reforçar a segurança no local de trabalho. Aliar o reforço efetivo das políticas de segurança da SPMS, bem como facilitar e criar mais um mecanismo integrado com o Sistema de Gestão de Assiduidade (SGA) são as garantias destes cartões, inovadores por terem múltiplas funções.

Paulo Pio, Coordenador da Direção de Recursos Humanos da SPMS, EPE

Para além da fácil identificação de todos os recursos humanos, permitem saber, em tempo real, quem permanece nas instalações da SPMS, quer no caso dos colaboradores que, atualmente, registam os seus tempos de trabalho no SGA, quer através do registo biométrico, sistema de informação e telemóvel.

Através deste cartão é criada, também, mais uma possibilidade de registo. Serão igualmente disponibilizados cartões para controlo dos visitantes e monitorização, em tempo real, contribuindo para incrementar a segurança nas instalações da SPMS.

Consultora externa da SPMS, EPE
Temas

SPMS reforça cooperação em Saúde Digital com países da CPLP

17 Maio, 2024

A SPMS marcou presença no Seminário “Diálogos da Cooperação em Saúde na Comunidade de Países de Língua Oficial Portuguesa (CPLP)”, a convite da Secretaria-Geral do Ministério da Saúde (SGMS). O evento, que decorreu no passado dia 15 de maio, concentrou-se nos desafios e oportunidades da digitalização do setor da saúde nos países integrantes da comunidade.

Aprovado novo regulamento do Espaço Europeu de Dados de Saúde

13 Maio, 2024

O Parlamento Europeu aprovou, no dia 24 de abril, o novo regulamento que estabelece o Espaço Europeu de Dados de Saúde (EEDS), marcando um avanço significativo na revolução digital da saúde na União Europeia. Esta medida estratégica tem como objetivo facilitar o acesso dos cidadãos aos seus dados de saúde eletrónicos em todos os países membros, ao mesmo tempo que promove a interoperabilidade entre os sistemas de saúde europeus.

Voltar
Voltar para o topo.