Notícias

SPMS assume responsabilidade na elaboração de relatório em matéria de disponibilização de informação de saúde

19 Janeiro, 2017

Foi hoje publicado o Despacho n.º 913-A/2017, do Ministério da Saúde, que estabelece as disposições sobre a cedência de informação de saúde, pelos serviços e organismos integrados na administração direta e indireta do Estado, no âmbito do Ministério da Saúde, e pelas entidades do setor público empresarial da área da saúde.

A crescente utilização dos meios tecnológicos pelos serviços e entidades da área saúde, possibilitam o acesso a um conjunto de funcionalidades, que permitem explorar dados e indicadores de saúde e que possibilitam ao Estado alcançar uma utilização mais racional e eficiente dos recursos disponíveis.

Considerando as preocupações com a proteção de dados, importa que seja assegurada a adoção de mecanismos legais adequados à especificidade da informação gerada, no seio das entidades do Serviço Nacional de Saúde e do Ministério da Saúde, para que os mesmos sejam tratados e disponibilizados de forma legítima, com os princípios e regras legalmente definidos, designadamente no Regulamento (UE) 2016/679 do Parlamento Europeu e do Conselho de 27 de abril de 2016, relativo à proteção das pessoas singulares, no que diz respeito ao tratamento de dados pessoais e à livre circulação desses dados e que revoga a Diretiva 95/46/CE (Regulamento Geral sobre a Proteção de Dados).

Por outro lado, os dados produzidos na área da saúde, são um bem público transversal que deve ser devidamente salvaguardado, e cuja disponibilização deve estar circunscrita à prossecução do interesse público e obedecer, de forma estrita, aos princípios da legalidade, da transparência e da proporcionalidade.

Sendo certo, que a disponibilização de informação de saúde, pode assumir um papel relevante para efeitos de investigação ou de saúde pública, não deve ser desconsiderado o elevado valor económico que este tipo de informação pode revestir, bem como o consequente risco associado a eventuais práticas fraudulentas

Temas

DJAC

Projeto da SPMS é finalista dos Prémios HINTT 2021

20 Agosto, 2021

A SPMS é uma das 10 finalistas dos Prémios HINTT 2021 com o projeto Agendamento Online para a vacinação contra a COVID-19, na categoria Patient Safety. Esta iniciativa promove a partilha de conhecimento sobre o futuro do estado de saúde, com foco na tecnologia e no cidadão. Na edição de 2020, a SPMS foi distinguida […]

SPMS apoia ULSAM no arranque das teleconsultas em lares

10 Agosto, 2021

Com o apoio da SPMS, a Unidade Local de Saúde do Alto Minho (ULSAM) arrancaram as primeiras teleconsultas de psiquiatria, no início de agosto, em lares. Os lares de Barbeita e Merufe, em Monção, foram os primeiros a realizar teleconsultas em tempo real, garantindo segurança, proteção e confidencialidade dos dados, através da plataforma de telessaúde […]

SPMS organiza evento de encerramento da eHAction

16 Julho, 2021

A eHAction – Joint Action Supporting the eHealth Network, uma ação de colaboração entre os Estados-Membros da União Europeia e outros países europeus, vai realizar o evento "EU Cooperation to Empower Citizens’ Health & Care [Cooperação europeia para capacitar a saúde e o cuidado dos cidadãos]", no próximo dia 21 de julho, por videoconferência, entre as 09h e as 12h.

closing event_noticia SPMS
Voltar
co-financiamento
facilisis fringilla velit, Praesent felis massa eleifend
Voltar para o topo.