Notícias

Sucessos e Desafios no 4º aniversário da SPMS

22 Março, 2014

A SPMS – Serviços Partilhados do Ministério da Saúde, EPE comemora este sábado, dia 22, o seu 4º aniversário. Criada em 2010, através do Decreto-Lei nº 19, a atividade da central de compras do Ministério da Saúde já permitiu, em quatro anos, poupanças na área de medicamentos e de dispositivos médicos, poupanças estimadas superiores a 120 milhões de euros, obtidos através de contratos públicos de aprovisionamento, acordos-quadro e aquisições centralizadas.  

As atribuições assumidas em 2012, destinadas a racionalizar os sistemas de informação do ministério (além dos serviços prestados nas áreas financeira e de recursos humanos), permitiram já avançar com aquisições centralizadas de equipamento, assim como licenciamento e suporte, para as ARS’s. 

As poupanças verificadas para a aquisição de material informático e serviços de cópia/impressão cifram-se nos 93 mil euros, sendo superiores a 28%. Aderiram à aquisição, através destes acordos, um total de 14 entidades para aquisição de material informático e cinco para serviços de cópia e impressão.

No caso dos serviços de Manutenção de Aplicações, as negociações decorridas com os principais fornecedores de serviços de manutenção de aplicações existentes nos hospitais do SNS, permitiram descontos financeiros que geraram uma poupança estimada de 1.6 milhões de euros (-18%), face aos valores dos contratos que as instituições adjudicaram em 2012.

Quanto ao licenciamento, a negociação com as duas principais empresas permitiu obter um desconto médio de 30% em relação ao preço previsto nos Acordos-Quadro da ESPAP, o que permitiu uma poupança de 3 milhões de euros.  

Desafios a conquistar

Neste dia em que assinala o quarto aniversário, a SPMS reconhece os desafios que tem em mãos: a concretização do projeto “Receita sem Papel” (desmaterialização da receita) até ao final do ano, a centralização de toda a gestão informática de recursos humanos das instituições do setor público da saúde, a evolução dos sistemas  de informação administrativos (SONHO) e financeiros (SITAM), a melhoria da RIS (Rede Informática de Saúde), expansão da PDS – Plataforma de Dados da Saúde, entre tantos outros estímulos.

Na área das compras, o aumento do número de medicamentos e de dispositivos a serem adquiridos através de CPA’s e a aquisição centralizada de Cuidados Respiratórios Domiciliários, são mais alguns  dos desafios que queremos cumprir.

Vai ser mais um ano difícil, mas sabemos que conseguimos fazer mais e melhor.

Temas

SPMS e Santa Casa da Misericórdia de Lisboa celebram protocolo de colaboração

17 Julho, 2024

A SPMS e a Santa Casa da Misericórdia de Lisboa (SCML) assinaram esta terça-feira, 16 de julho, um protocolo de colaboração que visa fortalecer a cooperação entre as duas entidades em diversas áreas estratégicas no setor da saúde. Na ocasião, foi ainda assinado, pela presidente do conselho de administração da SPMS, Sandra Cavaca, e pelo […]

Voltar
Voltar para o topo.